Quem sou eu

Minha foto
Eliane Aquino, 30 anos. Maquiadora, Designer de Sobrancelhas, Dermopigmentadora. Formada em Gestão em Logística, Pós Graduada em Gestão da Qualidade. O que esta fazendo aqui??? hobby, paixão por maquiagens e por beleza, vaidosa e persistente, comunicativa, adora trocar idéias, dicas, experiências. Quer conquistar o mundo da moda em makeup e passar tudo que aprende para suas seguidoras ficarem lindas gastando pouco! Divirtam-se!

Eudora

segunda-feira, 11 de abril de 2016
OLÁ MINHAS LEITORAS LINDASSSSS!!!! 


Vocês já ouviram falar na sensação do momento, o design de sobrancelhas com técnica fio a fio realista??? 


Alguns chamam de Fio a Fio 3D, outro de Fio a Fio 4D, Microblanding, Micropigmentação, Dermopigmentação ... 


São várias nomenclaturas, mas que no final, se usado a caneta Tebori tem o mesmo efeito.


Hoje oficialmente, além de Maquiadora também sou Dermopigmentadora, fiz o curso e estou apaixonada por essa técnica que veio para ajudar as mulheres que não aguentam mais corrigir as sobrancelhas com lápis, com sombra, entre outros... 


Li um artigo muito interessante que fiz algumas modificações conforme aquilo que aprendi no meu curso. e hoje vou deixar aqui, para quem ainda tem algumas dúvida referente as técnicas.


Aqui esta bem simplificado e de uma maneira fácil de entender.


Espero que gostem!!!! E se gostou não se esqueça, compartilhem nas redes sociais, e clique em seguir o Blog, assim você receberá todas as novidades em primeira mão.


Vamos lá???

MICROBLADING E MICROPIGMENTAÇÃO

O QUE É MICROBLADING? MICROBLADING TEBORI

É uma tecnica japonesa que usa um aparelho chamado Tebori, indutor manual o qual introduzimos uma pequena laminas formado de micro agulhas.
Para realizar esta técnica é necessário um curso e aprendizado correto para implantação do pigmento na camada certa da pele pois pode causar danos a cliente e o trabalho sumir ou expandir rapidamente.
A durabilidade dos fios pode variar de uma cliente para outra dependendo do tipo de pele e cuidados, durando até um ano.
Realmente podemos fazer fios perfeitos e lindos, desde que feito corretamente, se tornando mais fácil trabalhar com uma caneta Tebori,  onde os fios são feitos artesanalmente um a um,  depois de um bom aprendizado.
PERGUNTAS FREQUENTES
1) Quanto tempo dura a micropigmentação?
R: A micropigmentação pode durar muitos anos, mas a renovação celular constante, atualmente mais acelerada em função do uso de ácidos rejuvenescedores, e também pela ação direta dos raios solares, contribuem para o desbotamento do pigmento, precisando refazer a técnica geralmente entre seis (6) meses a um (1) ano;
2) Quais as precauções que se deve tomar após o processo de micropigmentação?
R: É necessário usar durante a primeira semana uma pomada lubrificante, para ajudar a fixar o pigmento e a cicatrização. Neste mesmo período evitar sauna, coçar, vapores de panela, banho quente, sol, mergulho no mar ou piscina.
3) Micropigmentação e Tatuagem, são a mesma coisa?
R: Inicialmente a técnica era a mesma. Atualmente não,  na técnica Microblading utilizamos uma caneta chamada Tebori,  próprio para trabalhos sensíveis e delicados. As agulhas e os pigmentos foram desenvolvidos especialmente para este fim o que fez com que a técnica evoluísse, traduzindo um trabalho mais suave e delicado, o que antes era mais agressivo e grosseiro, deixando marcas irreversíveis, pois a tatuagem é uma técnica de alta penetração, que atinge a terceira camada da pele e só pode ser removido com laser;
4) E se eu não gostar?
R: Como uma técnica de penetração de pigmentos, a mesma terá um tempo de duração na pele, mas considerando que ela só atinge a segunda camada da pele, podemos dizer que é um processo reversível. Para não reforçar esta maquiagem, basta não fazer os retoques de manutenção e poderá também, serem utilizados produtos que descamam a pele, acelerando a renovação celular, e em último caso recorrer ao processo de despigmentação. Nestes últimos casos sempre buscando a orientação de um especialista;
5) Quem pode fazer a micropigmentação?
R: Quase todas as mulheres e homens podem se submeter a técnica, sendo contra-indicado para os portadores de diabetes, hemofilia, câncer de pele, alergias tópicas, urticária física (dermografismo), telangiectasias, portadores de marca-passo, pessoas com pré disposição a queloide,  grávidas,  lactantes,  ou no período pré menstrual;
6) O que são aquelas sobrancelhas azuladas, esverdeadas,  e rosadas que as vezes vejo em algumas pessoas? Pode ser corrigido?
R: Técnicas ainda pouco difundidas e o próprio desconhecimento de reações que se poderia obter no uso de algumas tonalidades, assim como pigmentos impróprios para este tipo de trabalho, foram fatores que propiciaram esses trágicos efeitos. Muitos deles irreversíveis, e outros com alguma possibilidade de melhora. Hoje um bom profissional, com bons conhecimentos de colorimetria não tem praticamente chances de errar em um resultado desejado. Podem ser corrigidas, sim, passando por um processo de camuflagem da cor antiga e aplicação do novo e adequado tom para aquela pele;
7) Quem escolhe a cor?
R: Tanto a cor como o design são bastante discutidos entre a cliente e a profissional. A cliente com sua idéia já pré-concebida e a profissional com sua experiência, irão trocar idéia e encontrarão a melhor opção unindo o desejo da cliente com a técnica da profissional;
8) É preciso fazer alguma manutenção?
R: Hoje já contamos com pigmentos que dispensam o retoque, porém ainda há casos que no processo de cicatrização, ao desprender uma “casquinha”, fica uma falha na absorção do pigmento, por isso trabalhamos com retoque,  sendo necessário que entre 30 a 45 dias no máximo, a cliente retorne para avaliação e retoque;
9) Quanto tempo tenho que dispor para me submeter a técnica?
R: Depende do que a cliente deseja fazer, mas para o designer e o procedimento fio a fio que estamos falando,  pode variar de 2 horas a 2 horas e meia em média;
10) Que riscos são oferecidos a saúde?
R: São premissas básicas para o completo sucesso do trabalho: material de qualidade, material de uso individual descartável e principalmente assepsia do local. Com esses cuidados é rarísssimo ocorrer situações de infecção, lembrando que a cliente também é responsável pela manutenção e cuidados no processo de cicatrização, devendo seguir rigorosamente as orientações dadas pelo profissional;
11) Este procedimento estético gera dor como na tatuagem?
R: A aplicação é praticamente indolor, pelo uso de cremes anestésicos antes do início da sessão que dura em média uma hora e meia. Já na tatuagem, o trauma dérmico chega a ser dez vezes maior, porque a profundidade da agulha na pele também é muito maior, já que atinge a terceira camada da pele;
12) Quem está habilitado a fazer este trabalho?
R: Como qualquer trabalho estético, a micropigmentação deve ser feita por profissionais formados, treinados e experientes, que tenham conhecimento sobre pele, colorimetria, desenhos, assepsia, entre outros conhecimentos importantes ligados a técnica e a aplicação.
QUAIS OS CUIDADOS PÓS MICROPIGMENTAÇÃO?
1) Não molhar por 24 horas no caso de sobrancelhas;
2) Não tomar sol durante 30 dias;
3) Não usar sauna, não frequentar piscina e mar, nos primeiros 7 dias;
4) Nunca utilizar cremes contendo ácidos sobre o local;
5) Ter cuidados com calor de forno, secador de cabelos, vapor de panela…;
6) Passar uma pomada cicatrizante por 4 a 7 dias seguidos,  e a cada duas horas para lubrificar,  e ajudar na cicatrização, e após esses primeiros dias se necessário para a hidratação;
7) Não usar maquiagem no local, até completa cicatrização;
8) Não arrancar a casca que se forma, deixá-la cair naturalmente;
9) Não ingerir frutos do mar;
10) Só lavar a área com soro fisiológico ou água boricada nas primeiras 48 horas;
11) Fazer retoque entre 30 a 45 dias.(Atenção: Após 45 dias perderá o direito ao retoque);
12) Se perdeu o direito a retoque, em até 90 dias da data da micropigmentação, o mesmo poderá ser feito,  porém será cobrado 1/3 do valor do serviço;
13) Após 90 dias não será mais considerado como retoque e sim como novo serviço.


Micropigmentação – Processo de Cicatrização
Para inserir o pigmento, ferimos a pele com microagulhas. A pele ferida demora em média 15 a 30 dias para se curar.
Nesse período, primeiramente o local pigmentado aparenta ser mais escuro; surgem casquinhas escuras, aparecem falhas e alguns casos, parece até que o pigmento desaparece.
Tudo isso é NORMAL!
O seu organismo está lidando com o pigmento e se curando do ferimento. A casquinha soltará naturalmente, quando a pele abaixo dele estiver boa o pigmento reaparecerá. Arrancar a casquinha destrói o processo natural da cicatrização, podendo gerar cicatrizes e impede a fixação do pigmento, sem contar as inúmeras bactérias que estão sob as nossas unhas, que em contato com a pele ferida, pode infeccionar.
Sabemos que quando está com casquinha, às sobrancelhas não ficam bonitas, mas tenha paciência, pois cuidando corretamente e tendo a assepsia necessária ficará maravilhoso!
Lembre-se para o procedimento ser garantido e você ficar totalmente satisfeita,  você precisa seguir rigorosamente todas as instruções da sua Designer! 



Por: Eliane Aquino



CONTATOS



YouTube: Li Beauty Make

Instagram: libeautymake

Snap: libeautymake


0 comentários:

Sepha

COMPARTILHE

Dicas de maquiagem, moda, dia a dia e novidades do mundo dos cosméticos.

Pesquisar este blog

Espaço Li Beauty Make

Dicas Makeup

Resenhas

Eliane Aquino. Tecnologia do Blogger.

Moda

Pensamentos

SEGUIDORES

Sephora

Época Cosméticos Perfumaria

responsivo

300x600